Plano de saúde com melhor custo-benefício: como escolher um?
plano-saude-melhor-custo-beneficio

Plano de saúde com melhor custo-benefício: 5 dicas para escolher um

5 min de leitura

Mais do que nunca, sabemos como é importante cuidar da nossa saúde. E, principalmente, como pode ser difícil escolher um plano de saúde com melhor custo-benefício, para que isso também não afete a sua saúde financeira. 

Ninguém quer lidar com burocracias, mas precisamos colocar todos os prós e contras quando estamos falando em escolher o melhor plano de saúde para você e sua família.

Com o objetivo de simplificar tudo isso e tornar a sua escolha muito mais fácil, decidimos mostrar a vocês algumas dicas para escolher um plano de saúde com melhor custo-benefício. Acompanhe para saber mais.

O que entendemos por custo-benefício?

Pensar no custo-benefício de algo, como do seu plano de saúde, vai muito além de procurar por preços mais baixos. Mas está relacionada à qualidade do serviço oferecido com o valor pago.

Ou seja, os benefícios que você terá dentro de determinado custo, ou valor que você irá pagar. Então, quando se está procurando por um plano de saúde, é importante ir além do preço — afinal, estamos falando sobre a nossa saúde — mas observar também o que ele oferece.

Para isso, é importante pensar em algumas questões sobre o seu estilo de vida. Quantas vezes você está acostumado a passar em um médico durante o ano? Uma? Duas? Então será que vale a pena pagar por um plano ambulatorial, que cobre as consultas eletivas, sendo que você vai usá-lo apenas uma vez ou outra?

Já falamos anteriormente sobre como temos algumas alternativas aos planos de saúde, principalmente quando falamos sobre consultas e exames que precisamos realizar apenas uma vez ao ano (ou nem isso).

Por outro lado, quando pensamos em situações de urgência e emergência, internações e cirurgias, são atendimentos com custos muito mais elevados, mas fundamental quando refletimos sobre os cuidados com a nossa saúde e até mesmo em acidentes que podem ocorrer. Nesse sentido, um plano de saúde hospitalar seria muito mais vantajoso.

Então, quando estamos falando sobre um plano de saúde com melhor custo-benefício, você deve pensar não apenas no valor, mas também na utilidade do serviço de acordo com as suas necessidades.

O que devemos buscar em um plano de saúde?

Sabemos que escolher um plano de saúde não é uma tarefa fácil. Além do custo-benefício, como já falamos anteriormente, temos também que considerar questões como a própria ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar), área de atendimento, carência, cobertura, rede credenciada, inclusão de dependentes e muito mais.

Mas fique tranquilo, pois aqui vamos juntos ver um pouco mais sobre todas essas questões, pensando em facilitar a sua escolha no melhor plano de saúde para você e sua família.

1. Área de atendimento

Quando você estiver procurando por um plano de saúde com melhor custo-benefício, é necessário analisar a área de cobertura — e pensar na sua necessidade em relação a isso.

Por exemplo, muitos convênios possuem abrangência nacional, em que você pode ser consultado através do plano de saúde em hospitais de diferentes regiões e estados do país. Mas esse tipo de serviço encarece o plano e muitas vezes não chega nem a ser utilizado.

Então, neste momento é importante pensar sobre a sua necessidade: com que frequência você viaja e sai do seu estado? Será que faz sentido pagar mais caro por um serviço que provavelmente não será utilizado?

Por outro lado, com todos os avanços da tecnologia, temos hoje a telemedicina, que nada mais é do que o atendimento médico à distância. Então, caso você esteja viajando e sinta a necessidade de procurar assistência médica, é possível fazer isso de maneira prática e segura, com profissionais de qualidade, sem ao menos deixar o hotel.

Na maioria dos planos atualmente, a telemedicina já está inclusa no valor, ou seja, você não precisa pagar a mais para fazer uma consulta à distância.

2. Cobertura

A cobertura depende do segmento que você optar, como falamos anteriormente, entre o atendimento ambulatorial ou hospitalar. Isso tem uma influência direta no valor do seu plano e por isso é necessário considerar o que você realmente precisa em um plano de saúde.

O plano de saúde ambulatorial cobre consultas eletivas e procedimentos que podem ser realizados em ambulatórios (como primeiros socorros, curativos ou até mesmo anestesia local). Por outro lado, não tem cobertura para internações, cirurgias ou atendimentos mais complexos que precisam da estrutura hospitalar.

Já o plano de saúde hospitalar, apesar de não cobrir as consultas eletivas, têm coberturas fundamentais para quando você mais precisar: atendimentos de urgência e emergência, cirurgias eletivas ou emergenciais, internações por dias ilimitados e muito mais. Isso sem falar da obstetrícia, caso você opte por um plano com essa modalidade, que prevê um atendimento pré-natal e cobertura do parto.

São questões que devem ser analisadas, não é mesmo? A cobertura ambulatorial pode encarecer em até 70% o valor do seu plano de saúde. Por isso, pensar no custo-benefício, ou seja, nos valores e nos benefícios que oferecem para você, é algo essencial.

3. Acomodação

Quando falamos sobre acomodação, basicamente temos duas opções dentro do plano de saúde: enfermaria ou apartamento privativo. 

Normalmente, só precisamos pensar em acomodação quando é necessária a internação. E aqui temos a grande questão: em um momento que você já está naturalmente fragilizado por conta da sua saúde, você quer ter conforto de um quarto individual ou não?

Devemos lembrar que muitas vezes essa é uma questão que também faz diferença nos valores do plano de saúde, mas quando falamos sobre conforto, segurança e tranquilidade em momentos cruciais, como de uma internação ou em cirurgias, é importante estabelecer o que é importante para você.

Além da comodidade em ter o seu próprio quarto, a acomodação privativa também traz outros benefícios, como:

  • Banheiro individual;
  • Horários de visita flexíveis (dependendo, é claro, do hospital e da situação);
  • Mais conforto para o acompanhante.

4. Rede credenciada

Se você opta por um plano, é claro que quer ser atendido em hospitais que são referência em atendimento, não é mesmo? Afinal, é da nossa saúde que estamos falando.

Por isso, tão importante quanto analisar a área geográfica da cobertura do seu plano de saúde, também é analisar a rede credenciada. Procure pelos melhores hospitais da sua cidade e região e veja se eles fazem parte da rede do plano de saúde.

Afinal, sabemos como isso pode fazer uma grande diferença na qualidade do atendimento para quando você mais precisar, não é mesmo?

5. Descontos e parcerias

Todo mundo gosta de descontos! Ainda bem que hoje diversos planos de saúde oferecem parcerias com laboratórios, farmácias e até mesmo outras clínicas, tudo com o objetivo de facilitar o acesso à saúde e para que você esteja sempre protegido.

Por isso, vale também dar uma olhada nisso quando você estiver procurando pelo plano de saúde com melhor custo-benefício para sua família. Afinal, economizar nunca é demais.

6. Outros benefícios

Quando falamos sobre ter o plano de saúde com melhor custo-benefício, você deve procurar por aqueles que oferecem as maiores vantagens à você. E quais são elas?

A telemedicina, ou atendimento médico à distância, mostrou a sua importância durante a pandemia. Isso porque você não precisa se preocupar com as longas filas do pronto-socorro e muito menos com aglomeração. Pelo contrário, todo o atendimento é feito de onde você estiver: em casa, no escritório ou até mesmo em viagens.

Além disso, uma vantagem é encontrar um plano de saúde individual em que toda a contratação é feita digitalmente, evitando letrinhas miúdas e burocracia extra, com foco apenas no que é mais importante: a sua saúde. Isso não apenas facilita o acesso ao plano, mas também traz muito mais comodidade a você.

Como escolher um plano de saúde com o melhor custo-benefício para você?

Se você está procurando o melhor plano de saúde para você, então precisa conhecer a cuidar.me.

Oferecemos toda a proteção que você precisa em situações de urgências, emergências, internações com quartos privativos, telemedicina, cirurgias, parto, tratamento de doenças graves como infarto, AVC e câncer.

Mas não termina por aí. Caso você necessite de consultas e exames de rotina, também estamos prontos para te auxiliar com descontos exclusivos.

Economize no plano, não na saúde. Com a cuidar.me a partir de R$139 mensais você tem a segurança de um plano que te entende, além de contar com hospitais que são referência. Cadastre-se agora mesmo e passe a contar com a nossa proteção!

Marcus Vinicius Gimenes

Marcus Vinicius Gimenes

CRM: 124766

Fundador da cuidar.me e Médico Cirurgião Cardíaco formado pela UNIFESP-EPM. Há 10 anos empreendendo com propósito de viabilizar o acesso à saúde de qualidade com preço baixo, transparência e empatia, de modo digital e simples.

1 posts